Pedido de Música
Filho de Paulinho Moska, Tom Karabachian encontra a própria turma no EP 'Aviciou'

Advertisement

Filho de Paulinho Moska, Tom Karabachian encontra a própria turma no EP 'Aviciou'


Artista carioca apresenta cinco composições autorais no disco gravado com produção musical de Zé Ibarra e Lucas Nunes.

♪ Carioca de 24 anos, filho do cantor e compositor Paulinho Moska e da empresária Anaíde Karabachian, Antônio Karabachian Araújo apareceu primeiramente na mídia como ator de filmes e séries de TV.

Contudo, ouvintes atentos da discografia de Mart'nália já detectaram o nome de Tom Karabachian – como o artista se apresenta em cena – como compositor de músicas gravadas pela cantora. No álbum + Misturado (2017), Mart'nália gravou Melhor pra você, parceria de Tom com Cris Sauma.

No recente Sou assim até mudar (2021), Tom assina a música-título do álbum lançado em março por Mart'nália.

Com discografia iniciada há quatro anos com a edição do single Tudo o que a vida me der (2017), Tom Karabachian dá passo decisivo para se projetar como cantor e compositor com o lançamento do primeiro EP, Aviciou, programado para entrar em rotação nos aplicativos de música a partir das 19h de quarta-feira, 18 de agosto.

Precedido pelo single que apresentou em 14 de julho a música Moça vem cá (Tom Karabachian, Breno Ferreira, Jaffar Bambirra e Maicon Rodrigues), o EP Aviciou flagra o artista em processo de encontro com a própria turma e com o próprio som na formatação de cinco músicas inéditas e autorais.

A presença de Moska no coro da já mencionada faixa Moça vem cá – pop que cai no suingue black, bafejado pelos sopros do trombone e do trompete de Antônio Neves (instrumentos recorrentes e sobressalentes nos arranjos das cinco faixas) – jamais anula o fato de Aviciou ser disco gravado por Tom Karabachian com músicos e compositores da própria geração.

Basta dizer que o exponencial Zé Ibarra assina a produção musical do EP com o guitarrista Lucas Nunes. Ibarra toca violão, acordeom e faz coro na música-título Aviciou, composição de Tom em parceria com Breno Ferreira. A faixa-título tangencia a pegada do rock, evidenciando o bom acabamento instrumental do disco.

Sozinho, Tom Karabachian assina Filho do tempo (canção que alterna tons suaves e passagens mais intensas ao longo de três minutos), Vai e vem (outra faixa que reitera o balanço do cancioneiro do artista neste disco de demarcação de território) e Levarei na fé (música encorpada com o coro das vozes de (Cris Sauma, Dora Morelenbaum, Gab Lara, Jaffar Bambirra, Júlia Mestre e Luellem de Castro, além do canto do próprio Tom Karabachian).

No todo, o EP Aviciou mostra Tom Karabachian como artista de personalidade a ser lapidada no universo pop brasileiro, um artista promissor, sobretudo pela coragem de fazer o próprio som, descolado do d.n.a. paterno e em sintonia com o próprio tempo.


 

Postar um comentário

0 Comentários