Pedido de Música
Márcio Greyck mantém os pés no chão e o coração nas nuvens no primeiro álbum de músicas inéditas em 34 anos

Advertisement

Márcio Greyck mantém os pés no chão e o coração nas nuvens no primeiro álbum de músicas inéditas em 34 anos


♪ Com 11 músicas inéditas entre 13 faixas, o álbum autoral lançado por Márcio Greyck em 1º de setembro, Envolver, é o primeiro disco do artista com repertório essencialmente novo desde Pés no chão e coração nas nuvens (1987), LP lançado há 34 anos.

A safra autoral de Greyck em 2021 é boa, ainda que inexista em Envolver uma música do quilate da balada Impossível acreditar que perdi você (1970) – hit blockbuster que alavancou a carreira iniciada pelo cantor em 1967 – ou mesmo da canção Vivendo por viver (1978), apresentada na voz de Roberto Carlos.

Essas duas parcerias de Márcio Pereira Leite – o Greyck é sobrenome artístico – com o irmão Carlos Alberto Pereira Leite (creditado nas composições como Cobel) são exemplos da habilidade do cantor e compositor mineiro para transitar com desenvoltura pelo terreno da geralmente sofrida canção popular romântica.


 

Postar um comentário

0 Comentários